quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

A troca


O antagonismo de abrir mão da conquista
É sinal da insanidade de amar

Você descobriu o amor pela força do meu empenho
E em troca eu te apresento a arte que me ensinas-te:

O desprezo.

8 comentários:

  1. nossa gostei desse texto pra caramba, profundo

    ResponderExcluir
  2. Am´wy o texto...o depsprezo sempre presente apesar dos esforços cometidos para amar!!!

    ResponderExcluir
  3. Não se é isso que queria dizer, mas pelo que entendi é como se a situação tivesse se invertido.
    O que antes amava e sofria desprezo agora é amado e despreza. Ótimo texto!

    ResponderExcluir
  4. Nossa, profundo os seus versos, gostei bastante =D

    ResponderExcluir
  5. é bem por aí mesmo guilherme ;)

    ResponderExcluir
  6. Gostei muito! É de sua autoria?
    Se for, parabéns! Ótima interpretação de um relacionamento!

    ;)

    ResponderExcluir